03 novembro 2011

Da condução I

Não gosto de mulheres a conduzir. Eu admito: as mulheres conduzem mal no geral. Algumas conduzem bem, outras safam-se, outras são uma vergonha. A grande maioria não devia ter carta. Vou só falar de alguns dos sinais típicos de que a mulher que está à frente do volante é uma típica mulher a conduzir: não sabe estacionar (mesmo naqueles lugares em espinha), não cede passagem a ninguém (sem excepção), vai na faixa da esquerda super devagar com uma fila de carros enorme atrás e sem ninguém à direita, vai colada ao volante e agarra-o com as duas mãos (como se ele fosse fugir se o largar,) anda à noite sem luzes (reparem, a sério, são sempre mulheres!), anda com as luzes de nevoeiro acesas sem estar nevoeiro... Tanta coisa. Fazem merda atrás de merda. Por favor, senhoras, vamos tentar dar um melhor nome à classe, Sim, eu incluída. Apesar de não cometer estes erros típicos, sou uma besta na estrada (mas por outras razões).

9 comentários:

Aflito disse...

Faz rotundas por fora! :|

mfc disse...

A crítica de nunca deixarem que se entre numa fila é bem verdadeira!

aqui mesmo disse...

Já vi homens conduzirem de noite com a luz apagada. Acho que isso das generalizações é muito injusto mesmo. Tenho colegas meus com carta ha mais de 3 anos e que cada vez que pegam no carro parece que estão na primeira aula de condução.
Sejamos realistas, isto dos sexos é como as raças. Há gente boa, gente má e gente assim-assim.

Framboesa (uma diva de galochas) disse...

Dizem as estatísticas que as mulheres têm menos acidentes e normalmente as companhias de seguro cobram menos premio se forem senhoras as seguradas.
É o mesmo que dizer que as louras são burras ou que os homens com dedos pequenos têm penis pequenos.I rest my case.

Aflito disse...

As mulheres têm menos acidentes porque conduzem menos.

Se fores ao mar e tirares um copo de água, também vais concluir que, por não virem peixes dentro do copo, o mar não tem peixes? :|

Framboesa (uma diva de galochas) disse...

Aflito...as estatísticas a que me refiro são feitas em termos proporcionais (claro!)...por acaso por motivos pessoais estou a par de imensas estatísticas a esse respeito :)
...não conhecia esse estudo em que te baseias para dizer que as mulheres conduzem menos...estamos sempre a aprender ;)

Aflito disse...

Achas mesmo que me baseio em estudos? :|

Só digo merdas estúpidas. Não fundamentadas, normalmente!

Maria Flausina disse...

Eu acho que se vemos mais mulheres a fazer azelhices é porque, como em tudo o resto, já somos mais que os homens, logo azelhamos proporcionalmente.
Eu costumo verificar outra coisa, quando vejo alguém a azelhar digo logo: "só pode ser um velho de boné", e é sempre!
Acho que só vemos o que queremos ver. Tu se calhar, quando vês um gajo a cometer os mesmos erros, não registas porque é gajo... e eu quando vejo os que não são velhos nem têm boné também não registo, porque para a minha estatística é muito mais giro se o forem.
Opiniões não fundamentadas, claro, que eu, como o Aflito, não me baseio em estudos. ;-)

Isabel disse...

Olha, comentei o post seguinte antes de ver este!
Eu não me referia a estas situações tipo, mas as mulheres ficam muito atrapalhadas quando têm de fazer manobras, e acabam por deixar tudo encrencado.

utilizadores online