10 maio 2011

Do imprevisto

Não gosto de festas surpresa. Acho que se alguém tem alguma coisa a comemorar, peguemos no exemplo mais simples de um aniversário, e não fez questão de celebrar essa ocasião, quem são as outras pessoas para lhe imporem uma festa surpresa? Se a pessoa não fez festa, é porque não quis. Pode não estar na disposição para festejar apenas mas porque alguém decidiu organizar uma festa surpresa, tem de levar com as pessoas e as palmadinhas nas costas. É uma parvoíce. Pior é quando há pessoas que têm algum tipo de obsessão com festas surpresa. Há um colega meu que todos os anos tem uma festa surpresa. Ora era a mãe a organizar, quando era mais novo, ora a mulher, desde que se casou. No fundo, para ele já não é surpresa nenhuma. Quando se aproximam os anos dele, ele deve pensar 'ora bem, não vou combinar nada com ninguém, porque vou ter a já tradicional festa surpresa'.

6 comentários:

Ana disse...

Também não me agrada nada essa ideia, até porque eu sou muito selectiva em relação às pessoas que quero ou não ter comigo em determinado momento. Felizmente aqueles que convivem comigo sabem que é coisinha para nem se atreverem a fazer.

kiss me disse...

Ai concordo tanto. Eu detesto que me façam festas surpresa. Aliás, no geral não gosto muito de surpresas, confesso.

offigsandpears disse...

Nunca me fizeram uma festa surpresa, mas duvido que fosse gostar.
Quanto a esse colega, diria que ele não quer é ter trabalho a organizar uma festa -- já tem quem a organize por ele.

Saturnine

Maat disse...

@kiss me: eu também não sou grande fã de surpresas no geral. se forem boas até nem é mau. o pior é se não gosto, porque eu não sou uma pessoa que consegue facilmente esconder o seu descontentamento.
posso até dizer-te que tenho muito medo dos meus anos e das prendas que vou receber. porque é aborrecido, mas eu não consigo mesmo disfarçar se não gosto. e compreendo que para quem dá é chato ouvir que não gostaram. inventem as listas de aniversários pah!

Isabel disse...

Nem festas, nem prendas, nem o diabo-a-quatro. Não gosto de surpresas. O pior mesmo é quando os outros pensam que eu vou achar aquela surpresa o máximo. NOT.

Tina disse...

Sinceramente, surpresas no geral são coisas que não me agradam muito. Primeiro, porque praticamente 99,9% não conseguem fazer-me a tal surpresa sem que eu não tenha já divinhado antes o que se aproxima e depois porque surpresa não é sinónimo de algo bom, por muito que algumas pessoas assim o pensem.

utilizadores online