20 julho 2012

Do pudor

Não gosto de transparências. Hoje em dia vê-se muito, o que não quer dizer que seja bonito. As moças andam por aí alegremente a passear pelas ruas e a mostrar os seus soutiens coloridos e as suas tangas, sem pudor. Chamem-me púdica, mas a roupa interior deverá ser isso mesmo, interior. Cada vez se usam mais tecidos esburacados, rendados, transparentes, que naturalmente potenciam uma espécie de visão raio X da nossa roupa interior. Acho que fica muito mal um soutien preto por baixo de uma blusa branca transparente. As miúdas já não aprendem coisas básicas, como por exemplo que o soutien deverá ser da mesma cor, ou de uma cor aproximada da roupa? Se uma blusa é branca, o soutien deverá ser branco, para não se notar tanto. Ou aqueles cor da pele, que ainda se notam menos, apesar de a cor ser feia, por si só. Mas não, usam soutiens pretos ou rosa forte, para se ver bem ao longe. É um problema só meu? Sou eu que sou demasiado old fashioned para não gostar que desconhecidos vejam a minha roupa interior? Ou é realmente um problema de falta de vergonha generalizada?

2 comentários:

IN_AND_OUT disse...

Concordo. Odeio, é horrível e ainda bem que não tive uma menina.
Mesmo no outro dia vi uma miúda nos CTT com uma blusa de renda preta e um soutien rosa choque. Belheque.

Quel* disse...

Agora é o prato do dia, mas também não gosto. No outro dia, tomei banho e vesti um soutien vermelho. Quando decidi que ia vestir uma camisola branca, tratei logo de trocar de soutien. Mas já quase ninguém se dá a esse trabalho.

utilizadores online