05 julho 2012

Da despesa

Não gosto de conhecer muita gente. É bom ter muitos amigos e colegas e tudo isso, mas tem as suas desvantagens. Nos próximos três meses, sensivelmente, vou ter uma panóplia de festas como nunca visto: dois casamentos, um baptizado, dois nascimentos e pelo menos quatro aniversários. Não sei o que deu às pessoas para concentrarem todos os eventos das suas vidas no Verão de 2012. Ainda por cima num ano de crise. O ano em que eu estou mais pobre (tenho mais contas para pagar) é o ano em que vou ter de gastar mais dinheiro em prendas e derivados. Não sei se será por causa do fim do mundo anunciado que as pessoas querem fazer tudo já e não deixar para o próximo ano, mas poça, podiam ter planeado isto melhor. Eu já não estava à espera de ir para fora de férias este ano, mas agora mesmo que quisesse, não podia, pois o meu subsídio vai ser gasto em presentes, aparentemente. Damn!

4 comentários:

Silvana Santos disse...

Podes escolher não dar presentes xD

Anónimo disse...

ahahaha....E novamente o terrivelmente Dezembro de 2012 ataca! LOL

M. Vieira

O d’O Metro Quadrado disse...

Se achas que agora tens aniversários a mais, espera por Setembro/Outubro ;-) !

Maat disse...

eu sei. eu própria sou uma feliz contemplada com o aniversário no início do Outono :) mas estranhamente a uma grande parte das pessoas que conheço faz anos no primeiro trimestre do ano. até abril vá, depois acalma.

utilizadores online